R$ 45,6 milhões: o custo da ‘farra das horas’ no Daerp

Fonte: A Cidade ON (06.02.2017) | Autoria: Cristiano Pavini

Nos últimos cinco anos, o Daerp desembolsou R$ 45,6 milhões com horas extras e plantões dos funcionários, que chegam a receber R$ 10 mil ao mês e a quintuplicar o salário base apenas com o ganho da jornada adicional. O descontrole é tanto que, nesse período, foram registradas 2,3 milhões horas adicionais – equivalente a 263 anos.

Dados, obtidos pelo A Cidade por meio da Lei de Acesso à Informação, revelam que a autarquia também “driblou” o Ministério Público Estadual, que , em dezembro de 2014, firmou um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) para que o Daerp reduzisse, em seis meses, o pagamento de horas extras.
Entretanto, a autarquia compensou as horas extras pagando plantões. Resultado: só no ano passado a jornada adicional custou R$ 11,1 milhões, o maior montante desde 2012.

[Leia a reportagem completa no A Cidade ON]

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*